Dividindo

Começando Conversas

Como ser relevante em um mundo onde somos bombardeados diariamente por novos conteúdos? Como gerar engajamento? Despertar uma ação? Arrancar um sorriso? Começando conversas e não ideias. Acredito que uma conversa tem poder de transformar a maneira com que nos relacionas com um produto, um serviço e principalmente com nós mesmos.

 

Alguns lugares onde já conversei


01

HI

Hyper Island: depois de dois anos de especialização em Estocolmo, faço parte da equipe da escola na América Latina. O objetivo é fazer com que as pessoas reflitam sobre as relações humanas e a capacidade de começar conversas no universo digital.

 

02

ESPM

Escola Superior de Propaganda e Marketing: semestralmente sou convidado para um bate papo com as novas turmas do curso de comunicação. Falamos um pouco de novas perspectivas sobre mercado e da importância dos projetos pessoais. 

03

CUCA

Escola Cuca: responsável pela inclusão do tema projetos pessoais na grade do curso. A partir de diferentes dinâmicas de grupo e brainstorm, aplico o conceito de Mínimo Produto Viável para desafiar os alunos a: criar > executar > divulgar um projeto do zero.